Definidas as áreas avaliadas em 2020 e a data das provas

6 de janeiro de 2020

O Exame Nacional de Desempenho dos Estudante (Enade) 2020 será aplicado para estudantes de cursos vinculados a 30 áreas. Todas as áreas fazem parte do Ano II do Ciclo Avaliativo do Enade, que tem foco nos bacharelados e licenciaturas de ciências exatas e áreas afins, e, no caso dos cursos superiores de tecnologia, nas áreas de controle e processos industriais, informação e comunicação, infraestrutura e produto industrial. As provas para os concluintes dos cursos de graduação dessas áreas estão marcadas para 22 de novembro. A Portaria nº 14, que estabelece o regulamento da edição 2020, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (6).

Fazem parte do Ano II do Ciclo Avaliativo do Enade as seguintes áreas:

Grau de licenciatura

  • Artes visuais
  • Ciências da computação
  • Ciências biológicas
  • Ciências sociais
  • Educação física
  • Filosofia
  • Física
  • Geografia
  • História
  • Letras – inglês
  • Letras – português
  • Letras – português e espanhol
  • Letras – português e inglês
  • Matemática
  • Música
  • Pedagogia
  • Química

Grau de bacharelado

  • Ciências da computação
  • Ciências biológicas
  • Ciências sociais
  • Design
  • Educação física
  • Filosofia
  • Geografia
  • História
  • Química
  • Sistemas de informação

Grau de tecnólogo

  • Tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas
  • Tecnologia em gestão da tecnologia da informação
  • Tecnologia em redes de computadores

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela elaboração das provas e a aplicação do exame, irá divulgar cronograma, prazos, procedimentos técnicos e quais são as responsabilidades das instituições de educação superior e dos estudantes por meio de edital, em breve.

As diretrizes das provas serão definidas com a orientação das Comissões Assessoras de Área (CAA), que serão constituídas pelo Inep a partir de critérios técnicos. Os itens das provas serão elaborados e revisados por docentes selecionados. As questões compõem o Banco Nacional de Itens da Educação Superior (BNI-ES).

Os estudantes habilitados para o Enade deverão ser inscritos pelas instituições de educação superior vinculadas ao Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes).

Enade – O exame é componente curricular obrigatório e compete às instituições realizarem o Relatório de Estudantes em Situação Regular, que será atestado pelo Inep. A irregularidade impede a colação de grau e a emissão do diploma do estudante.

Com informações da Assessoria de Comunicação Social do Inep